FAZENDAS VERTICAIS



Em uma fazenda vertical, além da produção de alimentos em camadas empilhadas verticalmente, podem ser utilizadas superfícies inclinadas verticalmente e/ou integradas em outras estruturas como arranha-céus, armazéns e contêineres. Tendo em vista que a população mundial alcançará 9 bilhões de pessoas em 2030. Essa prática, pensada principalmente para os grandes centros urbanos, tem sido vista como a tecnologia do futuro para alimentar as próximas gerações. Essas instalações utilizam controle artificial da luz, controle ambiental (umidade, temperatura, gases etc.) e fertirrigação. Algumas fazendas verticais usam técnicas semelhantes às estufas, onde o aproveitamento da luz solar natural pode ser complementado com iluminação artificial e otimizado com refletores metálicos.


Benefícios do cultivo vertical de hortas urbanas




Aumento da produtividade:

Tratando de um ambiente controlado o rendimento da produção é de 5 a 10 vezes maior por metro quadrado comparado a métodos convencionais de cultivo.


Produção durante todo o ano:

Como as estruturas das explorações verticais estão em estufas protegido do ar externo, as hortaliças são cultivadas em ambiente controlado e protegido de pragas, vento e inundações.


Colheita consistente e confiável:

O crescimento e a colheita dos legumes frescos são garantidos, por serem cultivados em um ambiente controlado.


Economia de espaço:

O sistema de cultivo vertical ocupa pouco espaço, mas ainda pode produzir mais por metro quadrado do que fazendas tradicionais. Ele ainda pode ser personalizado para atender às necessidades das culturas e ambientes com condições variáveis. Além de reduzir custos logísticos, a proximidade do mercado de consumo garantiria mais frescor e qualidade aos alimentos. Reduziria também os riscos de contaminação durante o transporte dos produtos e as emissões de gases produzidas pelos transportes.


Desafios:

Sem dúvidas um dos principais desafios são os custos com energia para manter o ambiente controlado 24 horas por dia e o custo com mão de obra. As fazendas verticais contam com custos iniciais de implementação do projeto muito alto com instalações automatizadas ou instalações mais baratas com menos automação e custos mais altos de mão-de-obra.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo